Professores promovem Workshop de Ideias

Professores da Fundação Matias Machline promoveram, nas últimas semanas, o Workshop de Ideias, evento para apresentações de propostas de projetos de conclusão de curso técnico em aplicações práticas dos alunos do 3 ano, realizado no horário de almoço e nos 8’s tempos. Idealizado pelos professores Sérgio Roberto, José Luiz e Marcelo Ribeiro, a programação do Workshop conta com apresentações de mais de 40 alunos do 3 ano, até o dia 25 de abril.

Durante a defesa do projeto, os estudantes apresentam os embasamentos, objetivos, problemáticas e cronogramas dos projetos de conclusão de curso técnico das disciplinas práticas, obrigatórios para alunos finalistas do ensino médio. Sérgio Roberto conta que o objetivo do evento é apresentar, para alunos de 1 e 2 ano, os projetos de inovação em desenvolvimento. “Eles estão trabalhando em uma ideia, buscando embasamento teórico, fazendo pesquisas científicas para analisar a viabilidade do projeto e verificar também se traz inovação e contribuição tanto na área científica quanto na área de cunho social”, afirmou. O professor acrescenta, ainda, que o Workshop busca também obter a visão crítica da sociedade, avaliando se há contribuição com responsabilidade social. Por uma banca de avaliadores, são analisados os tópicos: Clareza da Problemática, Metodologia escolhida, Aplicação dos conhecimentos práticos no 1 e 2 ano, inovação tecnológica e compromisso com as metas globais do milênio. “Estamos buscando enquadrar os projetos nas características da Feira de Engenharia e Ciências – FEBRACE, que ocorre na Universidade de São Paulo. Por isso, queremos mostrar a contribuição social dos nossos alunos por meio das metas do milênio”, contou.

Para Nancy Cavalcante, a qualidade dos projetos apresentados comprova o diferencial dos estudantes da Instituição. “O Workshop de Ideias mostra como o curso técnico influencia na maturidade dos estudantes. Os projetos que estão se propondo a desenvolver não deixam a desejar a nenhum projeto de conclusão de curso superior. Ficamos muito orgulhosos com a qualidade do trabalho, e felizes ao saber que os estudantes sairão daqui capacitados para uma boa Graduação e, consequentemente, para serem melhores profissionais no mercado de trabalho”, afirmou. A Diretora acrescenta, ainda, que as Metas do Milênio como quesito avaliativo buscam mostrar para os estudantes a importância de pensar na sociedade como um todo.

Para o aluno Carlos Éder, do 3 AE, o evento é importante por ser o primeiro contato dos projetos com o público. “É um trabalho que esperamos desde o 1 ano, ficamos muito ansiosos pra realiza-lo, e o Workshop é para mostrarmos as nossas ideias e objetivos para os nossos colegas e para a banca avaliadora. Ficamos em uma expectativa imensa em saber se o nosso projeto foi aprovado, e pra saber se os professores da banca gostaram das nossas ideias”, afirmou. O estudante também ressalta a importância das apresentações para alunos do 1 e 2 ano, pois os projetos servem para inspirá-los e familiarizá-los sobre o trabalho que deve ser desenvolvido. “Assistir as apresentações dos projetos faz os alunos perceberem que as ideias são sim viáveis. Nos inspira demais, e nos ajuda a começar a pensar sobre qual direcionamento queremos nos nossos projetos”, afirmou.

A Fundação Matias Machline, localizada na Av. Mário Andreazza, Distrito Industrial de Manaus, transforma a vida de jovens em vulnerabilidade social há 33 anos e, além de capacitar com formação técnica, forma cidadãos conscientes sobre o compromisso social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

.