Projetos Educacionais FMM: diferenciais para o sucesso de nossos alunos

A Fundação Matias Machline é reconhecida pelo Ensino de Excelência oferecido aos seus alunos, que na sua grande maioria são oriundos da rede pública de ensino e de baixa renda. Pensando nisso, a Fundação visa muito mais que uma educação tradicional, mas também realizar um acompanhamento pedagógico individualizado e personalizado, identificando assim, as principais dificuldades acadêmicas e sociais que possam interferir no aprendizado desses alunos, dispondo de projetos educacionais, que durante 3 anos do ensino médio técnico, auxiliam no desenvolvimento pessoal, profissional e cidadão dos mesmos. Esses projetos estão divididos em Tutoria, Jovem Escritor e Heróis da Educação.

Na Tutoria, o professor orienta e acompanha a vida acadêmica do jovem, a fim de identificar as situações que possam interferir no seu rendimento. Mediante a um planejamento individualizado, o aluno dispõe de um plano de ação pedagógico com objetivo de identificar suas dificuldades e procurar soluções.

O Jovem Escritor, é outro projeto que faz parte dos componentes de Língua Portuguesa e Literatura da Fundação e tem como objetivo desenvolver o hábito da escrita, leitura e interpretação de textos, oportunizando a descoberta de novos escritores; iniciado no 2° ano e finalizado no fim do 3° ano, quando os alunos devem entregar um livro de sua autoria a uma banca de leitores. Através deste projeto, jovens beneficiados pelo Projeto Social se despertaram para o mercado da escrita e continuaram suas obras. Prova de que nosso objetivo está sendo cada vez mais alcançado.
Já o Heróis da educação visa incentivar os alunos ao estudo de forma atrativa, utilizando o conceito de gamificação através de atividades realizadas durante todo o ano letivo, incentivando o esforço individual, solidariedade com o próximo e união, porém sem criar um sistema de disputa.

As fases dos projetos são divididas em quatro: Proatividade; Conhecimento; Organização; e Comprometimento. E buscam referência nas vivências dos próprios estudantes na instituição. A primeira ensina que este aspecto aplicado na vida acadêmica ou pessoal, vai sempre levá-lo um passo à frente dos demais. A segunda estimula uma rotina de estudos diários para melhorar cada vez mais o rendimento escolar. A terceira aborda um planejamento de rotina e reforço da memória, como vantagens no processo de aprendizagem e a quarta destaca a importância de arcar com as próprias responsabilidades como estudante.

A aplicação dessas fases fazem da FMM uma instituição que preza, não só pelo ensino, mais também pela potencialidade de nossos alunos, não só durante os 3 anos de vida acadêmica, mas para a vida toda. A Fundação ensina para a vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

.